1 de junho de 2009

Corrosão


A ferrugem é o resultado da oxidação do ferro. Este metal em contato com o oxigênio presente na água e no ar oxida-se e desta reação surge a ferrugem que deteriora pouco a pouco o material original. Para evitar que as máquinas, ferramentas e demais objetos feitos de ferro se decomponham por causa da oxidação é necessário evitar que o entrem em contato com o oxigénio, o que pode ser obtido através da pintura, ou cobertura da superfície de ferro com óleo ou outras substâncias ubrificantes, ou ainda através da mistura com metais de sacrifício.
Esta tampa de bidão não foi salvaguarda e esteve anos em contacto com o Oxigénio e a água.
Recolhi-a num passeio pelo campo.
Presentemente está numa exposição sobre o ambiente a decorrer até dia 10 de Junho no concelho da Amadora.
Colaboração para Fabrica de Letras - Tema "Velhice"

7 comentários:

Conversa Inútil de Roderick disse...

Então, amiga. Ontem não foste? Notámos a tua ausência!

Pedrasnuas disse...

NÓS TAMBÉM OXIDAMOS...POR ISSO PARA RETARDAR ESSE PROCESSO CORROSIVO DEVE-SE TOMAR ANTIOXIDANTES... QUE VAI DE COMPRIMIDOS AOS FRUTOS DE CORES VIVAS...

CUMPRIMENTOS E PARABÉNS PARA A EXPOSIÇÃO

Johnny disse...

Abordagem original e pertinente. Bom trabalho.

Olga Mendes disse...

Vi e gostei muito. Penso que os objectivos ficam velhos não as pessoas, ficam sábias ou vividas. Gosto de pensar assim.

Juana disse...

"ferro velho", belissíma ideia, e conseguiste limpar o ambiente! gostei da ideia, parabéns!

Eva Gonçalves disse...

Participações originais são o que se querem :) Por acaso, gosto de objectos enferrujados, vá-se lá saber porquê...

Brown Eyes disse...

Tudo envelhece, não apenas os humanos. Os humanos são úteis até à morte os objectos perdem a utilidade. Uma óptima ideia.